Miu Miu e os contos de mulheres

Um dos trabalhos artísticos mais bonitos que eu vi nos últimos anos é o feito pela grife Miu Miu, da italiana Prada. Desde setembro de 2011 são lançados curtas-metragens da série intitulada “Women’s Tales”, que apresenta uma visão de mulheres sobre o universo feminino.

powder room

O primeiro da série, “The powder room”, é dirigido pela americana Zoe Cassavetes, filha da atriz Gena Rowlands com o diretor John Cassavetes. Fica claro que Zoe tem uma direção bem voltada ao que já vemos nos editoriais de moda, mas é um filme bem bonito da mesma forma, com modelos interpretando mulheres entediadas em um banheiro feminino superglamouroso.

9

Os curtas seguintes vão se aproximando mais da linguagem do cinema. O segundo da série é dirigido pela cineasta argentina Lucrecia Martel e se chama “Muta”. É um filme mais sombrio, seguindo o estilo dos trabalhos da Lucrecia, como “Mulher sem cabeça” (2008), se passa num barco e o rosto das modelos não é aparente.

3

Também foram convidadas para participar da “Women’s Tales” as maravilhosas diretoras a seguir: a italiana Giada Colagrande (“The woman dress”); a iraniana Massy Tadjedin (“It’s getting late”, com várias atrizes, incluindo a musa japonesa Rinko Kikuchi); a americana Ava DuVernay, que agora é conhecida pelo filme “Selma” (“The door”, segmento que destaca as mulheres negras); a israelense Hiam Abbass (“Le Donne Della Vucciria”, lindo, lindo demais); a sul-coreana So Yong Kim (“Spark and light”); e a artista americana Miranda July (“Somebody”, cujo aplicativo retratado no curta foi disponibilizado no iTunes).

miranda july

O nono curta-metragem da série foi lançado em fevereiro deste ano e se chama “De Djess” ou “o vestido”. Dirigido pela italiana Alice Rohrwacher, o filme se baseia na última coleção da Miu Miu desfilada em Paris, e brinca um pouco com a indústria da moda, inclusive a relação entre fotógrafos e estrelas.

Todos os curtas, além de bastidores das filmagens e entrevistas, podem ser vistos no próprio site oficial da Miu Miu ou no canal da grife no YouTube.

Tags relacionadas
,
Mais de Letícia Mendes

Assista: todos os filmes da Chantal Akerman

A diretora belga Chantal Akerman foi a pioneira do cinema experimental, ou...
Leia mais