Fuma aqui, bate uma lá: Garota Siririca

Garota Siririca, por Gabriela Masson (a.k.a. Lovelove6) | Ovelha

Um pouco antes de bater a minha siririca diária, resolvi dar um pega pra ver um filme quando lembrei que tinha ganhado a HQ da Garota Siririca feita pela quérida lovelove6, de aniversário. Essa é basicamente a minha rotina entre freelas, então quando no começo de 2014, eu descobri as tiras da Garota Siririca na Revista Samba (existem desde 2013) fiquei com aquela típica queimação interna, quando a gente sente que ‘deu merda’, achando que tinha vazado alguma coisa sobre mim na internet, tamanha identificação. Juro.

 
Garota Siririca
 
Porém, comecei a acompanhar a história e percebi que nada se tratava sobre mim (ufa!), mas sobre as aventuras de uma mina que tem uma relação bem íntima com seu corpo, com a masturbação e que não tem problema algum em adorar o cheiro da sua xereca e testar diversos brinquedos sexuais, especialmente os vendidos pela sua amiga Xoxola. Fiquei feliz de ter me identificado tanto, espero que cada vez mais mulheres possam ter uma relação mais íntima e libertadora com seu próprio corpo, desde os nossos deliciosos cheiros às nossas texturas, pêlos e ciclos.

Para minha grande surpresa, no final da HQ ainda tem uma homenagem à banda feminista Belicosa, do Rio de Janeiro. Sou um pouco suspeita pra falar porque a dupla é bastante minha amiga, adoro mesmo. E apesar de já saber que elas têm uma música que se chama Garota Siririca, não tinha ideia que rolaria essa inserção na HQ. “Era uma surpresa!”, me disseram. E foi mesmo, das melhores.
 

 
A HQ foi financiada via Catarse e conseguiu não só bater sua meta como ultrapassar o necessário para que fosse lindamente produzida. Isso significa que tem público querendo consumir esse tipo de leitura, e isso significa que os materiais independentes têm ganhado uma força bem grande no cenário nacional e isso é excelente! Mostra que não necessitamos ser reféns de um sistema hermético de publicações.

Garota Siririca

Além de ter amado a HQ pelo tema que me é caro, tenho muito orgulho de ver uma mina nova como a Gabi laçando uma livra extremamente bem feita, bem colorida, bem acabada. É muito empoderador, é sentir que as mulheres estão definindo seus contornos no mercado de HQ nacional, em vista a proporção que tomou o importante e providencial encontro Lady Comics em outubro do ano passado.

Ainda não está na aba do sex shop (FIKDIK) mas você vai poder comprar sua HQ Garota Siririca online logo mais. Dá pra ler em uma dedada. Ou uma sentada, o que você preferir. Agora só preciso pedir um autógrafo pra Gabi.

2djyr74

Tags relacionadas
, , , ,
Mais de Bárbara Gondar

Wild: para respeitar Reese Witherspoon

Não vou mentir, fui assistir Wild porque uma amiga e minha terapeuta...
Leia mais
  • Caroline Gê

    <3 muito amor, por essa hq, por esse post, por essas molieres maravilhosas!